Minha lista de blogs

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

O Rei do Baião é recordado com mais intensidade em 2012. Centenário de Luiz Gonzaga:

Osvaldo (Xaxado), Seu Januário (pai de Luiz Gonzaga), Luiz Gonzaga e o Anão
Salário Mínimo. Década de 50, no Mercado Público em Currais Novos – RN.
 Mais animação em um só lugar.
Entre os centenários comemorados
neste 2012 - do escritor
baiano Jorge Amado, do jornalista
e escritor carioca Nelson
Rodrigues e do Santos
Futebol Clube - com certeza
o do nascimento do músico
e sanfoneiro, compositor e
cantor Luiz Gonzaga (Exu/
PE,13 de dezembro de 1912),
mais conhecido como “Rei
do Baião”, “Lua” ou “Gonzagão”,
será o de maior destaque
na MPB.
“Com a sanfona, acompanhada
de zabumba e triângulo,
vestido de cangaceiro, ele encheu
os ares do País de sons e
cantos de sua terra, nossa terra.
Através da música, alegrou,
fez pensar, protestou, ajudou a
educar o povo de norte a sul e
a consolidar a nacionalidade”.
(Cimento da nacionalidade,
Almanaque Brasil)
O centenário de Luiz Gonzaga
do Nascimento, Seu Lula,
Seu Luiz, o Rei do Baião, sem
dúvidas é algo que traz muitas
recordações, principalmente
as pessoas que vivenciaram de
perto a época dos grandes sucessos,
da convivência, da simplicidade,
da música de qualidade
e tantas outras coisas
mais, e isso tem muito haver
com Currais Novos/RN, certamente.
Luiz Gonzaga esteve diversas
vezes em solo curraisnovense,
aproximadamente da década
de 30 até 70. Sua última apresentação
foi em frente ao Tungstênio
Hotel, momento este
em que o Rei do Baião fora
recebido por renomados nomes
como Dr. Tomaz Salustino,
Dr. Sílvio Bezerra de Melo
e por Radir Pereira de Araújo.
O então governador da época
Cortez Pereira sempre prestigiou
Luiz Gonzaga, colocando
em suas inaugurações
shows do músico e sanfoneiro,
cantor e compositor continuamente
na praça pública. Seu
Luiz, como era chamado pelos
seus admiradores e amigos,
fez muitos espetáculos em plena
rua, algumas apresentações
eram patrocinadas pelo grupo
“A Sertaneja”, pertencentes
naquele tempo a Radir Pereira.
Luiz Gonzaga tinha grandes
amigos em Currais Novos, e
havia, assim como ainda há,
centenas de pessoas fanáticas
pelo ritmo único e pela autenticidade
do Rei do Baião que
não perdiam um show. Sempre
que passava pelo município ele
tirava um tempinho para visitar
o Sr. Antônio Guedes Neto,
cidadão que trabalhava em
um salão de cortar cabelos e
fazer barbas (Barbieri) no Mercado
Público com seus colegas,
Bernardo e Benedito Guedes,
onde, por sinal havia muitos
bailes. Dona Suetônia Nunes
Batista (artista curraisnovense
que tem registro de sua amizade
com o Rei do Baião feito de
próprio punho), Jaime Xavier
e o grande compositor e instrumentista
Zé de Elias, que
dividia palcos com o Rei do
Baião, eram pessoas que Luiz
Gonzaga tinha bem próximo
contato.
Em Currais Novos, é possível
encontrar outras homenagens
ao grande Luiz Gonzaga, visto
que o empresário João Abner
Guimarães, popularmente conhecido
como Bina Toscano,
construiu um belíssimo acervo
de objetos que pertenceram
ao Rei do Baião, material histórico
esse que se encontra na
Fazenda Morada Nova, onde
funciona atualmente uma
pousada e também na Pousada
Cruzeiro, todas no município
de Currais Novos. Paixão
herdada do seu pai Chico Toscano,
que era um grande admirador.
A história da grande parceria
entre Luiz Gonzaga e
o curraisnovense José Nobre
de Medeiros
A criação do Museu Luiz Gonzaga
de Campina Grande/PB
se deu em 1995, e o responsável
por esse feito, bem como
por manter exclusivamente e
com muito carinho o acervo é
o Sr. José Nobre de Medeiros,
Zénobre, nascido em 1942, no
Sítio Saquinho da Malhada da
Areia, no município de Currais
Novos.
“Eu vi Luiz Gonzaga pela primeira
vez em Currais Novos/
RN em 1954”. O menino Zénobre
assistiu a primeira apresentação
de Luiz Gonzaga de
sua vida aos onze anos de idade,
no coreto da Praça Cristo
Rei de Currais Novos, patrocinado
pela bicicleta Monark.
Mas de início não foi o Rei do
Baião quem chamou atenção
do menino, mas o seu ritmista e
percussionista, Oswaldo, apelido
Xaxado, depois Salário Mínimo.
Era a primeira vez que o
menino curraisnovense via um
anão em sua vida, xaxando e
tocando triângulo.
Wallyson Zamir, artista
paraibano, nascido em Cuité,
considerado umas das vozes
mais românticas da Paraíba,
tem como talento um novo
estilo que se diferencia dos
outros cantores no padrão
romântico, gravou seu
primeiro DVD no dia 30 de
dezembro na casa de show
Cuité Hall, localizada em
Cuité/PB.
Com 26 anos de idade e 10
anos de carreira, o artista
nato já tem em sua trajetória
várias histórias de sucesso,
dentre elas participações em
programas conhecidos pela
mídia televisiva com várias
participações de outros artistas
da música nacional.
Hoje com 09 CDS gravados,
Wallyson é conhecido pelo
seu talento na Paraíba e
outros estados vizinhos, o que
lhe proporciona destaque
pelas suas belas e românticas
composições, uma voz
marcante e muito exigente
com o que faz, buscando
sempre mostrar o melhor de
si e do seu trabalho. Aliado
a uma equipe competente
busca constantemente entre
os profissionais os mais
qualificados para que assim
possa oferecer ao seu público
o que há de melhor na sua
musicalidade.
A gravação do seu primeiro
DVD é um marco para a
carreira de Wallyson Zamir,
inclusive por ser o primeiro
gravado no município
paraibano de Cuité. O
momento contou com um
público estimado em 4 mil
pessoas e foi arrecadado
três toneladas de alimentos
que foram sequencialmente
distribuídos. A produção
do DVD ficou por conta
da responsável empresa
curraisnovense Pulsação
Publicidade e Eventos através
da antenada TV Pulsação, e
estará pronto brevemente.
O 1º Forró do Pulsação de
2012 está chegando com
todo gás para animar ainda
mais o ano novo. Se você
pensava que o seu ano já
tinha começado, se enganou,
a empresa Pulsação Publicidade
e Eventos, através do
seu idealizador Jean Souza,
promoverá a festa que vai
dar o que falar. História,
tradição e tranquilidade são
marcas registradas no Forró
do Pulsação há 4 anos, e
dessa vez não será diferente.
O maior encontro de gente
bonita da Região vem cheio
de novidades!
No dia 04 de fevereiro, as atrações
Pisada de Bakana, direto
de Fortaleza, a curraisnovense
Mió que Nada e o contagiante
sertanejo universitário
do paraibano Fillipi Warley
irão deixar sua noite ainda
mais divertida. Com início
às 22h, no Espaço DuRei
de Currais Novos, o Forró
do Pulsação será a pedida
para o final de semana. Uma
mega estrutura de bar, três
ótimas atrações, mais espaço,
segurança, conforto e ritmos
quentes musicais deixarão
você e sua galera satisfeitos e
viciados no clima que emana
desse evento de qualidade,
preparado com todo carinho
e dedicação merecidos.
E não para por aí, muda a
estrutura, mas a essência fica.
O Forró do Pulsação permanece
com entrada free até a
meia noite para universitários
e sócios da AABB, e se você
desejar adquirir sua senha
antecipada, vá até a Ótica
Jr. ou OnLine For Men e
garanta o seu passaporte para
a festa que não vai deixar
ninguém parado.
O evento é uma realização
de JeanSouza.com, Jornal
Expresso, Pulsação.com
e parceria com a DuRei
Produções, além do apoio
Imprescindível do comércio
Local, bandas e imprensa em

Geral.

Nenhum comentário:

Postar um comentário